Muitas pessoas passam mais da metade do tempo que estão acordadas trabalhando. Passar um montante de tempo como esse fazendo o que não gosta é torturante.

Felicidade no trabalho afeta positivamente no aspecto psicológico e consequentemente no desempenho profissional. “Quem trabalha feliz produz mais, se sente realizado e percebe um sentido maior na atividade que realiza”, afirma Roberto Shinyashiki, doutor em Administração e Economia pela USP.

Quando isso acontece, os relacionamentos fora do trabalho tendem a melhorar e, geralmente, há um impacto positivo também sobre a saúde. Tudo isso por conta da diminuição do estresse.

Veja a seguir, 5 dicas para encontrar o prazer profissional, porque o trabalho deve ser sim, uma atividade prazerosa e que te traga orgulho.

Deixe de lado as fantasias impostas pela indústria

Trabalhar 14 horas por dia não é o que vai te fazer feliz e realizado. A indústria cria imagens do que sua empresa ou carreira tem que ser, mas não perca tempo tentando se encaixar nesses padrões. Não se trata de “devo fazer isso”, mas sim o que você de fato faz. Arregace as mangas, elabore suas ideias e comece a fazer o que você realmente acredita que vai dar resultado.

Quais são seus objetivos? Repense

Quem não sabe para onde está indo acredita que qualquer lugar é bom o suficiente. Assim, provavelmente, terá dificuldades em conseguir algo melhor do que aquilo que tem, porque não tem a mesma capacidade de medir o que é bom e o que é ruim na situação onde está. Defina seus objetivos – onde quer chegar, o que sonha em conquistar.

Não tenha medo de mudanças

Se o que você está fazendo não te agrada, não fique preso por medo de mudar. Transições fazem parte da vida e, se vão te fazer sentir melhor, realizado e completo, por que não experimentar? Pense nisso.

Todos sonhamos com a liberdade

Muitos se queixam de seus trabalhos justamente pela falta de liberdade, seja para fazer o próprio horário, usar a roupa que bem entender, entre outros motivos. Essas são pequenas coisas que fazem toda a diferença quando se trabalha com autonomia.

Hoje, existem empresas que oferecem oportunidades de trabalho sem que você precise deixar seu primeiro emprego. Porém, muitos superam expectativas de ganho e, o que era tido como renda extra, torna-se fonte de renda principal. Clique aqui e saiba mais.

O poder de decisão e de controlar o próprio tempo podem ser chaves para se encontrar a tão sonhada realização profissional.

Quero Começar